Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mishmash Marketing

Basicamente é "uma mixórdia de temáticas" de Marketing!

Mishmash Marketing

Basicamente é "uma mixórdia de temáticas" de Marketing!

Marketing - Coisas

 Fonte: http://kdfrases.com/frases-imagens/frase-muitas-vezes-as-coisas-que-nos-tocam-mais-sao-aquelas-que-na-altura-em-que-estao-a-acontecer-nem-antonio-lobo-antunes-143295.jpg

Vivemos dias agitados… mais do que nunca somos inundados por informação, pseudo-informação, factos e mitos… publicidade… Cada canal de tv insere em média cerca de 500 publicidades por dia, ora se multiplicar isto só pelos 4 canais de tv portugueses que não vejo dá 2000 inserções publicitárias / dia. Ao fazer zapping lá estamos a levar com publicidade, coisas e mais coisas… O cérebro não consegue assemelhar tanta “trampa” que recebemos dos meios de comunicação.

Quando acordamos começa a violação ao nosso cérebro, pois começa a instigação à compra, coisas e mais coisas, que (não) precisamos, mas que somos levados a crer que precisamos…

Tudo começa com o toque do telemóvel para acordamos não largamos mais esta “peça de arte” aliás acho que vivemos mais para o telemóvel, para as apps, e para o computadores do que para a família. Pois o meu telemóvel já me diz o que comer, quantas calorias ingeri, o que fazer, quantos passos já dei, quantos me faltam dar, já me manda fazer exercício, já me manda ás compras, é calculadora, é email, é tanta e nenhuma coisa… coisas e mais coisas… basicamente o telemóvel é a junção da consciência da nossa esposa, filhos, mãe, sogra, etc… compactada naquele aparelho.

Se o MacGyver conseguia fazer maravilhas com aquele canivete imaginem ele com um smartphone, seria uma coisa interessante de ver, como a série durou uns 7 anos, imaginem ele no primeiro episódio com o primeiro telemóvel (sim o tijolo da siemens) e até chegar á ultima temporada com um iPhone 7… Evolução da coisa…

O que queria dizer é que desde que acordamos estamos constantemente a ser bombardeados com conteúdos publicitários na tv, no telemóvel, no trabalho, na estrada, etc… O que nos faz querer coisas e mais coisas, pois nós nem somos consumistas por natureza nem nada…

O marketing (sim este tipo é a raiz de todos os males) interfere na diferenciação do que se deve ou não comprar, tornando assim as pessoas incessantemente descontentes buscando nas compras algo que as conforte. Essa compulsão leva as pessoas a desprezarem seus valores e sua situação financeira e as mantêm em estado de fascínio e até de hipnose.

Coisas e mais coisas…. Coisas e coisa nenhuma…

E vivemos assim atrás Da Coisa, sem realmente saber que Coisa é essa, mas que vamos aglutinando na nossa garagem, no nosso guarda roupa, na dispensa… Muitas Coisas… para que servem? Muitas para coisa nenhuma…

Vamos para um jantar em família ou com amigos e não podemos adiar aquele email, não podemos desligar aquela app, aias metade do jantar é em torno do telemóvel… Queremos ser tão profissionais que temos que responder aquele email no concerto de música do filho, não precisamos de férias nem de fins de semana, pois temos que estar conectados 24 sobre 24… Pois queremos coisas que nunca tivemos (pois não existiam) e queremos dar coisas aos nossos filhos porque nós não as tivemos…

Queremos tanto ser produtivos, multifacetados, multi-task e com tanta coisa, perdemos o rumo e fazemos exactamente o contrário…

O cérebro não aguenta tanta informação pois não temos capacidade de injectar discos de memória nele, não somos máquinas, mas tentamos ser…

Enfim coisas e mais coisas… Damm you Marketing, Damm you Natureza Humana e acima de tudo DAMM YOU COISAS!

NS

P.S. Devia-mos Amar as pessoas e gostar das coisas e fazemos uma vez mais tudo ao contrário, amamos as coisas e gostamos das pessoas…

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.