Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mishmash Marketing

Basicamente é "uma mixórdia de temáticas" de Marketing!

Mishmash Marketing

Basicamente é "uma mixórdia de temáticas" de Marketing!

Marketing - Futebol

 

Por favor não continuem a matar, dar mau nome, pisar, a levar pelas ruas da amargura o desporto que eu tanto gostava, sim gostava pois neste momento ver um jogo de futebol está equiparado a ver um combate de UFC.

Eu lembro-me quando jogava futebol que era tudo mais simples, jogava-se porque se amava o jogo, porque o jogo era mágico, jogava-se para conviver com os amigos, para jogar contra outros amigos, a rivalidade era saudável, jogava-se para no final do jogo receber-se s croissants e 1 sumo, jogava-se por amor à camisola, jogava-se para fugir de um destino que era a pesca, mas jogava-se com entusiasmo e devoção.

Nas últimas duas décadas desvirtualizaram o que era outrora amor pelo clube, amor pelo jogo, para ser amor pelo dinheiro e o ganha custe o que custar e pelo vale tudo.

Com a entrada das SADs no futebol este tornou-se uma empresa e como empresa tem como mote “dar lucro” logo aqui o futebol passou a ser o desporto dos milhões, não de adeptos pois esses como eu têm vindo a diminuir, mas de dinheiro.

Os clubes / SADs olham para os adeptos como consumidores e não como meio de suporte da sua equipa. Antigamente comprava-se um cachecol, ou t-shirt do clube do coração porque se amava e era um orgulho enveredar aquela camisola, agora o adepto é visto como um consumidor de todo o merchandising dos clubes, sendo inundado por uma panóplia de artigos, sentindo-se este na obrigação de os comprar, não por amor, mas porque sim.

As campanhas cada vez mais acirradas em busca de novos sócios, de venda de lugares anuais, de venda de jogos na tv, patrocínios, etc… etc… vem completamente tornar este jogo outrora mágico, num jogo dos milhões o problema é que se esqueçam que este jogo tinha uma imagem de magia como eu acreditava, mas agora a imagem que passam é de roubos, subornos, apitos dourados, vermelhos, verdes, tutti color, vouchers, enfim um caldo completamente intragável.

Não entendo como o futebol conseguiu descer tão baixo e fazer com que um amante de futebol como eu, deixasse de ir ao estádio e acima de tudo nos dias de hoje ter medo de ir ao mesmo.

Não entendo como clubes com milhões de passivos continuam a comprar jogadores a preços utópicos e não fecham as portas, pagam salários do outro mundo e continuam a laborar, ou não pagam e continuam a disputar jogos… Uma empresa normal, com passivos altos decerto entram em insolvência e nenhum banco empresta dinheiro a esta empresa, mas parece que o futebol e as SADs não carecem deste problema, pois existe sempre dinheiro para pagar a este e aquele jogador e treinador milenariamente e numa empresa existe dinheiro para pagar um salário mínimo e mal…

Não entendo como nos outros países (Espanha, Itália, França, Inglaterra, Alemanha) casos de corrupção sejam punidos, e aqui nada acontece…

Não entendo como se retirou a magia do futebol e a substituíram pela magia dos €…

Ou melhor entendo muita coisa não entendendo…

E com estes casos o futebol português é motivo de chacota lá fora, mesmo tendo nós sido Campeões Europeus.

As SADs, os Clubes, os Presidentes, os Treinadores, os Jogadores e todos que vivem como abutres em torno deste jogo que eu gostava deveriam sair e deixar que este jogo ganha-se a alma e a paixão de outrora, mas …

No final quem perde são sempre os adeptos, pois são eles que pagam para ver todo o horror que se passa nos dias de hoje.

No final sou eu quem perco, pois deixei de amar um jogo que amava.

NS

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.